Quarta-feira, 2 de Março de 2011

Quando cheguei a casa não acreditava no que acontecera.

Despi-me totalmente e coloquei-me de frente para o espelho. Toquei no meu corpo e na minha boca. Queria confirmar o que tínhamos feito. Deitei-me sobre a cama e fechei os olhos, reproduzi mentalmente vezes sem conta a sensação de me amarrares o cabelo. Lembrei-me da forma como me sentaste em cima de ti e me beijaste os seios.

Estávamos loucos, loucos. Lembrei-me de como me tocaste quase que violentamente enquanto eu te tomava a mão e te incitava a continuares, gemendo pára repetidamente. Nunca tinha agido tão fora de regras, tão rebelde. No parque, de pé, contra a parede. De costas para ti. As mãos sobre o teu pescoço, as tuas nos meus seios, dentro das minhas calças.

- Os botões, o cinto.

- Não faz mal, não faz mal.

- Beija-me, beija-me.

No chão, a tua boca na minha. As tuas mãos em mim. Maldito. Maldita. Tornamo-nos loucos. Desejosos. Quais animais com o cio. Fomos sempre humanos. Carnais. Fomos nós. Aquilo que queremos ser.



publicado por naná às 20:45 | link do post | comentar

18 comentários:
De C. a 2 de Março de 2011 às 20:56
Mais pura das sensações e o mais puro dos sentimentos humanos. O Prazer. O carnal é a nossa Natureza.
beijinho, adorei o texto.


De fugiu a 2 de Março de 2011 às 21:15
"Quais animais com o cio." brutal.


De J. a 2 de Março de 2011 às 21:50

brutal.
isto sim.


De agnes hope a 2 de Março de 2011 às 23:16
Onde aprendeste a escrever assim? Ensinas-me? ;)
adorei.


De summer wright a 3 de Março de 2011 às 16:32
parabéns por o terem sido.


De J. a 3 de Março de 2011 às 18:39

não acredito no destino naná (:
ando é muito influenciada por uma corrente literária que o defende. não ligues, é por causa sa escola xD
mas concordo contigo, se o destino nos comandar perdemos as rédeas, e isso não quero mesmo :o, aliás eu não sou assim.
we're like the wind i guess (;


De fugiu a 3 de Março de 2011 às 19:07
muito obrigada.


De C. a 3 de Março de 2011 às 19:13
Custa-me falar talvez por não estar habituada, por achar que não me compreenderão, sinceramente não sei, mas devia falar.
Beijinho e obrigada =)


De Yohanan a 3 de Março de 2011 às 19:49
ri-me com o teu comentário z)


De DolceScrittora a 3 de Março de 2011 às 20:34
A vida é para ser vivida, se for intensamente ainda melhor. Tens de aproveitar.
O texto está bonito e bem construído.


Comentar post

mais sobre mim
Labrinth feat. Emeli Sande - Beneath Your Beautiful
arquivos

Abril 2013

Novembro 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Dezembro 2011

Setembro 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010