Segunda-feira, 7 de Fevereiro de 2011

Tenho um miúdo na natação que só diz: eu sabo, eu sabo, eu sabo. (eu sei, eu sei, eu sei). Tenho outra miúda que foi atropelada aos 3 anos (tem agora 6), tem 6 parafusos numa perna e 4 cicatrizes visíveis e eternas. Tenho dois miúdos primos. Que são filhos de mães irmãs e pais irmãos. O corte de cabelo é igual, os óculos são iguais, até as cuecas são iguais. (quero ver no futuro). Tenho outro miúdo que tem 5 anos mas nem xixi consegue fazer sozinho, que passa a aula sentado no meu colo de um lado para outro com uma expressão séria e só se ri quando falo dos power ranger's ou oliver&benji. Tenho outro miúdo que vem semana sim, semana não. Falta porque vou ao porto apanhar picas, me diz ele, e porquê? Não o sabe nem eu. Vive com a avó, a mãe e o tio. E tem um irmão, que vive com quem? Com o Rui. Ah, e o teu pai? É o rui. Tenho uma outra miúda que chora sempre que lhe dou um berro, e não é um berro é só para chamar à atenção. Tenho outra miúda que me diz sempre: professora olha para mim, olha para mim. E chora se eu não olho. Tenho um outro miúdo que tem a expressão mais séria de que há memória. Nem com cócegas ele dá uma gargalhada. Tenho um outro miúdo que anda na psicóloga. Porque? Porque o meu amigo foi para o céu e eu estou sempre a falar dele, e a minha mãe mandou-me para a psicóloga.

E, eu tenho os nas mãos todas as segundas. Eles apoiam-se em mim e nunca são maldosos. Dão-me beijinhos, são suaves. Obedecem-me, e portam-se bem. São felizes, gostam tanto de brincar! E eu penso. Se já na inocência o mundo lhes cai na mão, ficarão eles como eu um dia? Com uma lâmina em cada gaveta. E uma mala feita no fundo do armário? Se já nem a inocência será uma boa memória para eles? Que levarão eles para o futuro?

E é isto que me tem tirado o sono, é isto que me fez recair no café. Porque eles não são meus filhos. Mas são os meus meninos. São eles que me vêm frágil e rejubilam quando me vêm chegar ao balneário. São eles que me dizem: mas que dentes tão grandes professora. E são eles que dão pequenas gargalhadas quando eu lhes digo que perdi a minha mão. Acham piada à mais inocente das frases. E são felizes. Com tantos problemas, são tão felizes.



publicado por naná às 22:31 | link do post | comentar

12 comentários:
De C. a 7 de Fevereiro de 2011 às 22:55
os muidos são uma doçura. =)


De lostdreams a 7 de Fevereiro de 2011 às 23:00
gostei muito do texto.
é verídico?


De naná a 7 de Fevereiro de 2011 às 23:30
sim, é:)


De Xana a 7 de Fevereiro de 2011 às 23:44
Este mundo já não é como era no meu tempo! 


Cada eu tinha 5/6 anos sabia a lá o que era qualquer de uma dessas coisas que referiste no texto! 


E tens razão os miúdos de hoje em dia já não têm inocência, algo que é muito mau... Os miúdos deviam ser miúdos e pensar que o mundo é cor-de-rosa!


Beijinhos! 


De Raquel a 8 de Fevereiro de 2011 às 09:07

Tenho um que me olha nos olhos e me diz que gostava de ter uma mãe como eu, que me pergunta se me pode chamar de mãe e fá-lo cheio de orgulho, que salta para o colo cada vez que me vê como se tivesse 5 anos mas tem 10 e coloca no olhar a maior tristeza do mundo cada vez que chega a hora de ir deixá-lo à sua "casa".

Continua... vale a pena por eles. O que lhes dás são momentos de felicidade. E a vida é isso, momentos...


De summer wright a 8 de Fevereiro de 2011 às 14:33
e eu estou a chorar (:


De fugiu a 8 de Fevereiro de 2011 às 17:50
tão bonito.


De Effy_Edwards a 8 de Fevereiro de 2011 às 19:31
lindo. adorei o texto. 


De J. a 8 de Fevereiro de 2011 às 21:15
fiquei emocionada.
os pequenos são realmente doces (:


De Antonio F a 8 de Fevereiro de 2011 às 23:08
As tuas crianças são um espectáculo.Fazes um trabalho admirável.Tu e elas merecem-se.
"Bebe" no sorriso delas, é genuíno. :)


De Babs a 8 de Fevereiro de 2011 às 23:39
Vou ser sincera: de tudo o que já li pelos blogs este deve ter sido um dos textos que mais me tocou (:
Fiz voluntariado num lar de crianças durante um ano e tal e foi das experiências mais marcantes da minha vida. Tenho imensas saudades daquilo, mas as crianças foram entregues às respectivas famílias.


Comecei-te a seguir (:


Comentar post

mais sobre mim
Labrinth feat. Emeli Sande - Beneath Your Beautiful
arquivos

Abril 2013

Novembro 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Dezembro 2011

Setembro 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010